segunda-feira, 14 de maio de 2018

Strüjen

Salve povão 666 tudo numa nice?
Voltamos mais uma vez e mais um mês mostrando um barulho elegante, phyno, digno de mostrar para um jovem que precisa de uma música boa pra dar um norte nessa vide cheia de indecisões, e a banda desse mês que a gente vai postar aqui, recentemente esteve no Brasil e fez uma tour de leves na nossa terrinha, é o Strüjen, que é um Duo de grindcore formado por Chenn(Baixo/Vocal) e Martin(bateria) de Buenos Aires/Argentina, terrinha da lenda Maradona haha, é influenciado por bandas e lendas como Nasum, Agathocles, Napalm Death, Wormrot, Defecation e vai seguindo, a banda na sua estética e nas letras tem mais a ideia de mostrar questão de Existencialismo e mais questão do ser humano mesmo, bom foi o que eu entendi, coisas que a gente tem de lidar no nosso dia-a-dia, mas a sonoridade ela é muito foda, não se prende a uma formula de blastbeat e skunk(4:20 cachorro) beat o tempo todo, ela vai se alterando, nenhuma track na minha opinião é a mesma, nesse primeiro trampo deles Funeral de inicio já deixa isso claro, eu achei foda isso, agora no Darkness Looks Alive creio eu que a gravação é diferente, mas a agressividade é mais pesada e bem mais grave, o primeiro som tem essa mistureba do grind clássico, ai vai a sonoridade vai caindo, como se tivesse se decompondo, eu acho isso uma doidera, muito foda isso, pode ser que eu esteja falando groselha ou wherever mas FODA-SE falo do jeito que eu quero e achei do caralho, pra quem é fã dessas bandas acima da uma sacada que é extremamente recomendável da uma sacada no trampo deles, bom to puxando o bonde, até a próxima postagem.
Peace Ya'll.

Funeral - Vol.1:

Link do Bandcamp para ouvir: https://strujen.bandcamp.com/album/funeral-vol1

Darkness Looks Alive:

Link do Bandcamp para ouvir: https://strujen.bandcamp.com/album/darkness-looks-alive

Página no Facebook: Strüjen
Página no Facebook Barulho do Capiroto: Barulho do Capiroto