sexta-feira, 20 de março de 2020

2012 - 2020

Quando comecei esse blog em 2012, não achava que ia me render tantas amizades e tanto conhecimento. Não só em relação a bandas, mas sobre todo mundo que me cerca. Tudo começou quando eu tinha 15 anos de idade e não tinha ideia do que eu queria fazer pra cena ou bandas que mereciam atenção em determinado tempo, só queria contribuir de alguma forma. Sem saber escrever (e até hoje não sei), só queria retribuir pro metal/hardcore punk o que ele me proporcionou: além de um posicionamento pra vida, uma possibilidade de enxergar melhor minha realidade, assim também como outras realidades.  Postei bandas aqui do Brasil e do mundo e ganhei reconhecimento com muito respeito e humildade por boa parte das bandas, mesmo com a escrita precária, foi massa. Bandas de fora mandando um salve e agradecendo, isso é mais que gratificante, muito obrigado mesmo! Tem também os contribuintes, que foram alguns ao decorrer desses anos, muito obrigado por ter ajudado o blog e ter mantido esse barulho vivo, vocês sabem quem são e fazem parte dessa humilde história, sou muito grato e obrigado novamente pela ajuda. O Barulho do Capiroto vai encerrar suas atividades nesse ano de 2020, não por falta de bandas ou até mesmo de incentivo, mas por questões pessoais mesmo, muito obrigado a todos que acessaram ao decorrer desses anos, foram mais 80 mil acessos e isso é foda demais! Espero trombar vocês em algum rolê e aqui nos despedimos, muito obrigado e até o próximo projeto.


quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Vermenoise

Salve juventude orientada mas que prefere fazer barulho ao invés de coisa boa, tudo suave? Se não tiver isso não é meu corre irmão...ou é..é? Enfim seguindo esse mês que tem sei lá quantos dias, não sei se eu fosse de matemática ou números não estaria escrevendo uai não queria falar exatas que isso é palavra de gente jovem cool, to aqui postando mais uma banda pra você mostrar pro seu tio e é o Vermenoise olha só que nome legal, banda de grind/noise experimental de São Jose dos Campos/SP a banda começou em 2009 com intuito de fazer você ficar surdo ou algo próximo disso e acho que eles tão conseguindo música por música degrau por degrau e a banda tem influência pelo que eu ouvi de tudo noiseumpouco tendeu? Tipo Corrupted, Insect Warfare, Napalm Death, Nasum(isso do segundo trampo pra frente porque o primeiro é mei thrashão...bom os riffs e a gravação eu achei com umas influência dos clássicão memo o Sepultura na fase do Schizophrenia e Beneath the Remains, Sodom na fase do Agent Orange) e vai seguindo, desde 2009 a banda passou por várias formações mas vou falar atual Victor(Guitarra), Mauro(Bateria) e Chris(Vocal) ai eles lançaram um projeto chamado projeto00 que se chama "201964" que é um blastbeat misturado com uns noise de sampler da Roland é uma doidera só, se você gosta de algumas bandas citadas acima ai da uma sacada se você não gosta de nenhuma citada da uma sacada do mesmo jeito, vou puxando o bonde aqui e em um futuro não muito próximo vou ta postando mais uma banda, ou não talvez eu largue isso e vá pras bahamas e foda-se você mermão....zueira gosto muito do capeta pra deixar isso, até breve meu parça.

Inimigo Figadal EP:
Link do bandcamp para ouvir: https://vermenoise.bandcamp.com/album/inimigo-figadal

201964:
Link do bandcamp para ouvir: https://vermenoise.bandcamp.com/album/201964
Página da banda no facebook: Vermenoise Facebook
E-Mail da banda: vermenoise@gmail.com

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Ossuarium

Salve juventude jovem que gosta de música jovem que louva o capiroto de forma juvenil tudo sussu?
Hoje a gente vai postar uma banda que toca rápido porém toca devagar também, quer saber qual banda é? Você já sabe porque ta no nome do post, ta vendo que pessoa inteligente você é! Ossuarium uma banda de death/doom de Portland, Oregon nos Estados Unidos formada por quatro membros Jeff Roman(Vocal, Backing Vocal), Nate McCleary(Guitarra), Daniel Kelly(Vocal, Sintetizador e Guitarra) e Ryan Koger(Bateria) a banda é influenciada muito pelo death metal old school e o doom clássico bandas como Entombed, Dismember, Carnage, Immolation, Morbid Angel e vai seguindo a banda lançou uma demo alias uma demo tape em 2017 chamada "Calcified Trophies of Violence" que contem três sons totalmente arrastados mas que também tem seus blast beats ali isso na primeira demo 2017 e em seguida lançaram um split com uma banda chamada Draghkar que esse split contem duas músicas da demo e é um split de tour que eles fizeram juntos pelo Estados Unidos e não muito tempo depois em Fevereiro desse ano lançaram um álbum que eu conto como uma continuidade da primeira demo só que com o sons mais picotados e arrastados o aclamado "Living Tomb" que contém 8 faixas que fogem da mesmo no que se remete ao death/doom o que é raro sendo bastante honesto, puta disco foda que tem seus momentos por assim dizer, que fica agressivo e depois cai de novo e termina de um jeito bem diferente cada faixa é um disco que sobe é desce e não fica no "tatatata" chato o tempo todo, a bateria é humana não parece uma maquina querendo fazer o inalcançável é simples e direto..quebrado mais simples e direto, se você gosta de algumas das bandas citadas acima da uma sacada no trampo deles que eu garanto que você não vai se decepcionar:

Calcified Trophies of Violence:
Link do bandcamp para ouvir: https://ossuarium.bandcamp.com/releases

Split Draghkar:
Link do bandcamp para ouvir: https://bloodharvestrecords.bandcamp.com/album/ossuarium-draghkar

Living Tomb:
Link do bancamp para ouvir: https://listen.20buckspin.com/album/living-tomb
Página da banda no Facebook: Ossuarium Death
Perfil da banda no Instagram: Ossuarium Instagram

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Shitfucker

Salve juventude do mal capirotesca que gosta de música rápida que fala de capeta mas também de protesto que envolve gente de deus também porque afinal quando você quer que as coisas melhorem pra você, melhora pro povo do mão furada também, mas enfim suave? Se não ta, vai toma água recomendo a juventude e gente velha também a tomar água porque sempre melhora o humor e água com capeta é sempre bom, e dessa vez a banda desse mês ai que tem muita história é o Shitfucker, é isso mesmo é merda com foder banda de old school black metal com uma pitada de thrash e aquele tempero maravilhoso do punk, local de Detroit/Michigan a banda começou em 2005 fazendo esse som podre influenciado por Bulldozer, G.B.H, Discharge, Bathory, Hellhammer, Celtic Frost, Broken Bones e vai seguindo é a mistura perfeita rapaz a mistura legal de salgado e suco de limão é foda mermão, a banda é aquele powertrio e vai ser junto mesmo porque junto fica foda, aquele POWERTRIO cabuloso com nome de personagem de filme trash com Demonbitch(Baixo, Vocal), Shagrat(Guitarra) e Motor City Chaz(Bateria) a banda já lançou material pra cacete demo, split e outros registros por ai mas, vou destacar dois trampos, primeiro a demo F.O.A.D/I.N.R.I. que é uma demo suja e podre, aquele black punx ou metal punx como você preferir podrão rápido e direto aquela parada mais rawzona mesmo sem firulinha e o fullzão deles Suck Cocks in Hell como primeiro album eu achando que seria algo mais bem gravadinho mais elegante PORRA NENHUMA seguiu a mesma influencia e mais sujo e agressivo os riffs sem muita firula, essa banda é a sujeira em som nos dias de hoje que tudo é muito sem feeling e tudo reproduzido do que já foi feito e são poucas as bandas que metem a cara e fazem mesmo o que querem, enfim vou puxando o bonde aqui se você gosta de alguma das bandas citadas acima da uma sacada no som deles, se você não gosta de nenhuma ai mano que cê ta fazendo aqui? Enfim até a próxima rapaziada.

I.N.R.I./F.O.A.D:
Link do bandcamp para ouvir: https://shitfucker.bandcamp.com/album/i-n-r-i-f-o-a-d

Sexual Maniac:
Link do bandcamp para ouvir: https://shitfucker.bandcamp.com/album/sexual-maniac

F.O.A.D The Filthiest of Apocalyptic Detroit:
Link do bandcamp para ouvir: https://shitfucker.bandcamp.com/album/f-o-a-d-the-filthiest-of-apocalyptic-detroit

Suck Cocks in Hell:
Link do bandcamp para ouvir: https://shitfucker.bandcamp.com/album/suck-cocks-in-hell

Devil Must be Driven Out with G.I.S.M.(Split com Bonehunter):
Link do bandcamp para ouvir: https://shitfucker.bandcamp.com/album/devil-must-be-driven-out-with-g-i-s-m-split-ep-w-bonehunter

Fa page no facebook: Shitfucker Fa Page

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Evilcult

Salve juventude do mal no mês de natal ta suave? Se não ta calma meu amigo vai ficar pior, porque o ser humano só faz isso merda e barulho mas seguindo, esse mês que é o mês do desgosto a gente vai começar com chave de ouro e dessa vez com um duo alias outro duo chamado Evilcult, é essa juventude que gosta de capeta e culto mas com barulho e corpse paint old school a banda é formada por Lucas From Hell(Guitarra/Baixo e Vocal) e Matheus Blasphemer(Bateria) eles são de Bento Gonçalves/RS, influenciados por obviamente Sarcofago, Bulldozer, Hellhammer, Celtic Frost, Bathory e vai seguindo resumindo o black/speed metal verdadeiro vindo das catacumbas dos infernos com riffs que parecem uma serra, a banda lançou primeiro uma demo chamada "Evil Forces Command" em 2018 que tem aquele tupá-tupá old school que eu amo sem firula e nem auê direto e reto com aqueles refrão bem 80tão memo sem uma produção muito alá rica da pra ouvir o baixo e o vocal parece que foi gravado em uma casa vazia com um eco do caralho, assim que é dahora tio ta redundante esse texto não ta? Foda-se não é uma critica nem resenha só to falando que a banda é dahora como se fosse uma conversa de bar e é isso memo não gostou? Vai tomar um copo d'agua e sai fora daqui e vamos seguindo esse monte de palavra desconexa aqui em Janeiro desse amado ano eles lançaram um single chamado "Eternal cult of Darkness" que é pura escola I.N.R.I. com Seven Churches esse duo é do caralho merece sua atenção se tu é um necromaniac blackzão old school ouve essa porra porque é digno como diz um amigo meu, agora vou deixar os links ai e até o ano que vem seus doido, até ano que vem!

Evil Forces Command:
Link do bandcamp para ouvir: https://evilcult.bandcamp.com/album/evil-forces-command

Eternal Cult of Darkness:
Link do bandcamp para ouvir: https://evilcult.bandcamp.com/track/eternal-cult-of-darkness

Página no Facebook: Evilcult
Canal no You Tube: Evilcult You Tube

terça-feira, 2 de julho de 2019

Esperanto Beatdown

Salve juventude que não gosta de família fascista no poder tudo tranquilo? Se não tiver, bom...da um jeito de melhorar mano vai lá, toma uma água que melhora enfim, esse mês a gente vem com uma banda fora da curva pra esse blog, porque desde 2012 não lembro de ter postado uma banda de beatdown aqui, pois é agora a gente postou vem encher a paciência não fazfavô e sem muito auê a banda que eu resolvi postar é o Esperanto porque foi uma das primeiras que veio na cabeça e que tinha beatdown em nome de rede social ai fica mais prático seguindo esse texto sem roteiro nem pé nem cabeça a banda é formada por quatro jovens Marcos Matsuoka(Vocal), Ygor Sena(Bateria), Kennan Lopes(Guitarra) e Vinicius Dias(Baixo) a banda é influenciada por Hatebreed, Nasty, , Realidade Cruel, ScumxCrew além da própia quebrada que já é uma fonte muito foda de sonoridade e de conteúdo lirico também a banda começou em 2014 e em 2016 lançaram o primeiro single deles "Unidos Venceremos" acompanhado de um clipe no canal do you tube, e em fevereiro de 2017 lançaram um full album totalmente faça você mesmo chamado "Lei do mais Forte" o bom além da sonoridade agressiva e do som quebrado do Esperanto é que de fato eles fizeram jus ao nome mas não ao mundo todo, mas sim pra quem é de vila realmente entenda, que eu entenda, seu vizinho entenda e sua tia também então eles foram realmente ao pé da letra com o nome da banda, bom rapaziada to puxando o bonde aqui, vocês sabem o que fazer se você curtiu uma das bandas citadas acima da uma sacada no som deles que eles fazem de um jeito autêntico quanto as bandas citadas, até o mês que vem.

Unidos Venceremos Single:
Link do bandcamp para ouvir: https://esperantobeatdown.bandcamp.com/track/unidos-venceremos

A Lei do mais Forte:
Link do bandcamp para ouvir: https://esperantobeatdown.bandcamp.com/album/lei-do-mais-forte

Página do Facebook: Esperanto Beatdown

quinta-feira, 13 de junho de 2019

Numbomb

Salve juventude que gosta de coisa ruim tudo suave? Não? Se preocupa não vai piorar, ainda mais depois de ouvir isso, esse mês a gente vem daquele jeito ruimzão ta ligado? A banda desse mês, desse mês cheio de dias e horas e pessoas é o Numbomb banda da terrinha maravilhosa Brasilia/DF, um duo cabuloso de crust/powerviolence formada por Bruno Guerreiro(Guitarra/Vocal) e João Amorim(Bateria) a banda é influenciada por Tragedy, Infest, Warcollapse, Discharge, Crude S.S., Inepsy, Ekkaia e vai seguindo o duo lançou uma demo com 5 sons intitulada de "Contra todo o otimismo civilizatório" em Janeiro, puta que pariu quando ouvi fiquei chocado e achei foda demais aquela mistura de blast beats e d-beat na medida certa e as letras bom reflete que o amanhã vai ser pior, fala sobre distopia e a total descrença de que as coisas vão melhorar nessa amada terrinha que só anda pra trás, maior exemplo disso é desse atual governo que a gente ta tendo e milhares de outras coisas que retrocederam de um jeito e um tempo tão curto que a banda só ta refrisando o obvio, mas do jeito bem autêntico e único deles por agora eles tem esse registro que pra mim tinha de ter em 7 polegadas pra ontem! Bom rapeize vou puxando o bonde aqui com essa breve resenha da banda, não tem muito o que falar só escuta ai tio e se você gosta de alguma das bandas citadas acima você com certeza vai curtir bastante o som deles e se você não gosta de nenhuma foda-se vai lá e escuta que vale a pena, até a próxima rapeize!

Contra todo o otimismo civilizatório:
Link do bandcamp para ouvir: https://numbomb.bandcamp.com/
Página no Facebook: Numbomb
Perfil no Instagram: Numbomb Instagram